fbpx
WhatsApp
+
Mensagem Enviada com sucesso
QUERO QUE ENTREM EM CONTATO Preencha os campos abaixo com seus dados

    É médico?

    Selecione a(s) especialidade(s)







    **consulte condições de compra do mês vigente

    DURAÇÃO: 12 meses 12 encontros presenciais mensais
    CARGA HORÁRIA: 450 horas
    UNIDADE:
    TURMA:
    DURAÇÃO: 12 meses 12 encontros presenciais mensais
    CARGA HORÁRIA: 450 horas
    TURMA:

    O QUE ESPERAR DO CURSO

    Ao final do curso o aluno estará apto a avaliar, diagnosticar e manejar dores agudas e crônicas em pacientes da faixa etária pediátrica, indicar com segurança procedimentos intervencionistas e tratamentos específicos, realizar com segurança e alta qualidade esses procedimentos e utilizar a ultrassonografia para guiá-los

    A QUEM SE DESTINA

    Pediatras, anestesiologistas, médicos intensivistas pediátricos e neonatais, emergencistas pediátricos, reumatologistas, neurologistas, ortopedistas, fisiatras, neurocirurgiões, acupunturistas, clínicos gerais, especialistas em dor

    COMO FUNCIONA O CURSO

    Pós-Graduação com a qualidade em uma instituição NOTA MÁXIMA NO MEC

     

     

    CONHECIMENTO ALINHADO ÀS MELHORES PRÁTICAS DO MERCADO

     

     

    A dor um fenômeno multidimensional composto de muitas variáveis fisiológicas. A dor crônica na infância é uma preocupação significativa de saúde pública por apresentar elevadas taxas de prevalência, variando entre 11 e 38%, sendo que 3 a 5% destas crianças sofrem por incapacidades significativas relacionadas à dor

    Estudos científicos demonstram que a intervenção minimamente invasiva no tratamento precoce em pacientes com dores agudas e crônicas poupam medicações opioides, efeitos colaterais medicamentosos e otimizam tratamentos não farmacológicos, como fisioterapia, contribuindo para desospitalização precoce. Tais benefícios, trouxeram os procedimentos de intervenção em dor para uma das primeiras linhas de tratamento atualmente.

    Conteúdo programático
    conteúdo programático do curso

    Módulo 1: Introdução à Dor Pediátrica

    Apresentação/abertura do programa

    Relevância do estudo da dor pediátrica

    Fisiopatologia da dor na criança e neonate

    Prática:

    Princípios básicos de ultrassonografia em phantom

    Classificação da dor (aguda, crônica, mista e total)

    Semiologia da dor

    Tecnologia/realidade virtual

    Casos clínicos:

    Simulação com ator

    Prática:

    Ambulatório de semiologia da dor pediátrica com modelos e realidade virtual

    EAD: 

    História e prevalência de dor em crianças

    Efeitos a curto e longo prazo

    Dor e suas relações sociais, familiares, culturais

    Gênero e idade e sua relação com a dor

    Sono e dor em crianças e adolescentes

    Botonologia (instrumentação de ultrassonografia)

    Módulo 2: Modulação da Dor

    Interação da dor aguda e crônica

    Avaliação da dor

    Termografia e fotobiomodulação na avaliação da dor pediátrica

    Tendinopatias e artropatias dos MMSS (teoria e demonstração)

    Prática: 

    Ultrassom na dor pediátrica

    Opioides e outros fármacos (anestésicos locais e adjuvantes)

    Bombas de PCA

    Implante intratecal de bombas

    Discussão de casos clínicos

    Prática:

    Fluoroscopia

    EAD: 

    Neuroplasticidade

    Fisiologia

    Farmacologia pediátrica e neonatal

    Disparidades sociodemográficas da dor em pediatria

    Educação e ética na dor pediátrica e neonatal

    Fluoroscopia: princípios, segurança contra radiação ionizante (particularidades pediátricas)

    Artigos científicos (opioides e adjuvantes)

    Módulo 3: Dores Musculoesqueléticas 1

    PBLD de Anemia Falciforme: grupos com crises álgicas distintas

    Hipermobilidade/Ehlers Danlos: bate-papo com o paciente

    Dores neonatais

    Tendinopatias e artropatias dos MMII – Conceitos básicos

    Prática:

    Ultrassom na dor pediátrica – MMII

    Dinâmica:

    E se eu não falasse? – Paralisia Cerebral e Atraso do Desenvolvimento

    Exercícios fisioterápicos básicos

    Uso da toxina botulínica na espasticidade e na dor crônica (com eletroestimulação)

    Demonstração:

    Toxina Botulínica

    Prática:

     Neuroestimulação Periférica | Sessão de Hipnose e Relaxamento

    EAD: 

    Interação autoimune e dor

    Biomarcadores da dor

    Anti-inflamatórios (esteróides e não-esteroidal)

    Epidermólise bolhosa – diagnóstico e tratamentos (medicamentoso, curativos, TCC)

    Artigos científicos sobre dor no paciente neonatal

    Aula de anatomia sobre grandes e pequenas articulações no intuito de abordagem ultrassonográfica e fluoroscópica

    Módulo 4: Dores Musculoesqueléticas 2

    Fibromialgia (classificação, etiologia e tratamento)

    Dores Miofasciais (classificação, etiologia e tratamento)

    Discussão de casos clínicos 1

    Back pain: avaliação multidimensional

    Síndromes de aprisionamento

    Discussão de casos clínicos 2

    Prática de agulhamento por USG: 

    Musculatura ponto de gatilho

    Musculatura cervical

    Musculatura lombar

    Prática de ultrassonografia articular

    EAD: 

    Anatomia musculoesquelética na criança

    Fisiopatologia musculoesquelética

    Neurobiologia de crianças com dor crônica

    Síndromes de dor em adolescentes

    Módulo 5: Cefaleias e Dores de Cabeça em Pediatria

    Cefaleias primárias X secundárias

    Migrânea – tipos e tratamentos medicamentosos X abordagem do gânglio esfenopalatino X gânglio estrelado

    Neuralgia do Trigêmeo – diagnóstico e tratamento

    Entrapment de nervos periféricos X dores craniofaciais

    Prática:

    Dores faciais – bloqueios guiados por USG

    Cefaleia cervicogênica (definição, diagnóstico e tratamento)

    Cefaleia pós-punção (definição, diagnóstico, diagnósticos diferenciais e tratamento)

    Cefaleias malignas (definição, diagnóstico e tratamento)

    Cefaleias: Casos Clínicos

     

    Prática:

    Bloqueios

    EAD: 

    Artigos sobre cefaleia infantil

    Distúrbios do sono X Cefaleia

    Entrapment de nervos em região de crânio, face e região cervical

    Aula sobre neuroimagem

    Módulo 6: Dor abdominopélvica em pediatria: o papel da intervenção

    Dor Abdominal em Pediatria (introdução, fisiopatologia e tratamento)

    Dor Pélvica em Pediatria (introdução, somatização x doença, evolução, história, exame físico, exame psicológico, investigação, manejo, diagnóstico e tratamentos

    Discussão de casos clínicos 1

    Prática de Bloqueios por USG

    Anestesia Regional para Manejo da Dor Crônica em Criança e Adolescente

    Discussão de casos clínicos 2

    Prática de Radioscopia

    EAD: 

    Anatomia Abdominal e Pélvica

    Anatomia de Cabeça e Pescoço

    Anatomia dos Membros Superiores

    Anatomia dos Membros Inferiores

    Módulo 7: Dor Oncológica em Pediatria: Abordagem Multimodal

    Dor oncológica (conceito, epidemiologia e tratamento)

    Tumores do SNC (aspectos gerais e controles de sintomas)

    Tumores abdominais e pélvicos (aspectos gerais e controles de sintomas)

    Tumores ósseos (aspectos gerais e controle de sintomas)

    Discussão de casos clínicos e Gincana

    Prática:  

    Abordagens radioscópicas

    Cuidados paliativos (conceito, controle de sintomas, tratamento holístico, abordagem multidisciplinar)

    Dores neuropáticas: quimio x radio

    Cannabis (abordagens práticas, importância do controle de sintomas e aspectos legais)

    Discussão de Casos Clínicos

    Prática: 

    Abordagem radioscópica

    EAD: 

    Artigos Científicos

    Dor Neuropática Pós-Quimioterapia

    Sistema Nervoso Autônomo X Dor

    Módulo 8: Dor Neuropática em Pediatria – um novo olhar

    Dor neuropática pediátrica (introdução, conceito, etiologia e tratamento)

    Farmacologia na dor crônica: fármacos utilizados no tratamento da dor neuropática

    Proloterapia em pediatria

    Acupuntura em dor pediátrica

    Casos clínicos: dor crônica com caráter neuropático

    Ultrassonografia – hidrodissecção

    Proloterapia – prática

    Bloqueios adjuvantes para manejo da dor neuropática por USG: gânglio estrelado, ESP block

    Neuralgia pós-herpética – epidemiologia, diagnóstico e tratamento

    Neuralgia pós-QT e RT | Dor Fantasma

    Dor Neuropática Pós-Operatória: Entrapment

    Casos Clínicos – Caráter Neuropático 2

    Prática:

    Radioscopia

    EAD: 

    Fisioterapia na Dor Pediátrica – O Papel

    Medicina Integrativa na Dor Pediátrica

    Hipnose na Dor Pediátrica

    TENS em Dor Pediátrica

    Módulo 9: Dor Aguda em Pediatria

    Dor aguda pós-operatória em pediatria (conceito, epidemiologia, síndromes dolorosas pós-operatórias, diagnóstico e tratamento)

    Queimados em Pediatria (conceito, epidemiologia, diagnóstico e tratamento)

    Nervos Periférico

    Discussão de Casos Clínicos 1 (Gincana)

    Prática:

    Implante de cateter peridural e de nervos periféricos (plexo braquial interescalênico, plexo supraclavicular, nervo femoral e nervo safeno)

    Trauma em Pediatria (conceito, epidemiologia, diagnóstico e tratamento)

    Emergência em Dor Pediátrica (epidemiologia, abordagem e tratamento)

    Discussão de Casos Clínicos 2 (Gincana)

    Atendimento básico no trauma (Simulação) – enfoque no tratamento da dor

    Aspectos legais em emergência pediátrica

    EAD:

    Diferentes escalas de avaliação de dor em pacientes com quadro de dor aguda

    Termo de consentimento para realização de procedimentos em dor aguda

    Protocolos de bomba de PCA (peridural, perineural e venoso)

    Módulo 10: Cadáver Lab 1

    Revisão de procedimentos em cadáver (USG e radioscopia)

    Módulo 11: Cadáver Lab 2

    Revisão de procedimentos em cadáver (USG e radioscopia)

    Módulo 12: A hora da verdade

    Revisão Geral | USG – Revisão em phantom de procedimentos | Radioscopia – Revisão em phantom de procedimentos

    EAD: Anatomia musculoesquelética na criança | Fisiopatologia musculoesquelética | Neurobiologia de crianças com dor crônica | Síndromes de dor em adolescentes

    diferenciais
    Primeiro curso no Brasil

    Essa Pós-Graduação é pioneira em oferecer um programa exclusicamente voltado para a especialização em Dor Pediátrica do Brasil

    Treinamento em laboratório

    O aluno poderá simular os procedimentos avançados em cadáveres

    Ampla carga prática

    Atividades hands-on em que os alunos realizarão grande número de procedimentos de intervenção em dor pediátrica

    Pacientes reais

    Atendimento sob supervisão direta de professores e monitores altamente qualificados

    Habilitação em ultrassonografia

    O que permitirá a realização dos procedimentos guiados com segurança

    Coordenação

    Ana Carolina Lopes Pinheiro

    Ver Curriculum